domingo, 4 de janeiro de 2015

E aos 25 pensei "e se fosse aos 30?", ou a história do melhor (e mais inesperado) longo que alguma vez realizei

Antes (sem imaginar o que aí vinha)

Depois, fresquinho após 30 km!

Nota prévia: Se este artigo vos der a sensação de estar eufórico, muito feliz e incrédulo qb, não é uma mera sensação... mas a realidade! 

Após o ciclo de 22, 24 e 26 quilómetros feitos com sucesso como preparação para Paris, e depois de ter participado nas São Silvestres dos Olivais e Amadora na 3ª e 4ª feira, hoje estava planeado um treino de acalmia com 20 quilómetros, para na próxima semana serem 25 e depois os sempre temidos 30.

Mas um plano não pode ser castrador, há dias que não dá e não nos vamos martirizar por isso e há dias especiais onde há que aproveitar.

Ora, na 6ª feira, a Isa e o Vítor disseram-me que queriam também fazer um treino de estrada e estavam a pensar em 25 a 26. Como o meu plano era 20, podia juntar-me a eles e parar quando chegasse às duas dezenas.

Como uma (excelente) companhia não se pode desperdiçar, logo virei o plano para em vez de 20-25-30, ser 25 ou 26-20-30. E entre 25 ou 26 mentalizei-me que seria giro realizar novamente 26, após o excelente treino na mesma distância na passada semana.

A manhã estava fria mas o sol foi aquecendo e aí fomos nós, felizes da vida (e eu sem imaginar o que iria suceder). Infelizmente, a Isa começou a ter uma dor incomodativa e foi forçada a parar aos 17, tendo o Vítor ficado a fazer-lhe companhia.

Nessa altura poderia ter cumprido o plano inicial de 20 mas já estava focado que era 26 e a 26 quis chegar.

Fui-me entretendo a chegar a um ponto e virar para ir ter com eles que vinham a andar e, aí chegado, virar e avançar mais uns 500 metros para novo retorno. E assim os quilómetros foram passando e, estranhamente, nada de cansaço.

Aos 24 pensei que podia ir até aos 27. E aos 25 pensei "e se fosse aos 30?" Sim, sei que esta era o fim-de-semana de acalmia, que tenho feito muito quilómetro e após o fim-de-semana com 26 na 3ª e 4ª corri bem em duas São Silvestre, em especial na dura Amadora onde marquei um grande tempo, Sabia isso mas também sabia que me sentia muito bem e há oportunidades que são para agarrar com as duas mãos.

E assim o fiz, sempre sem o mínimo sinal de quebra. De tal maneira que aos 29 pensei "hoje fazia uma Maratona!". É verdade, hoje sentia-me capaz de fazer uma Maratona e com tempo record para mim. Há dias assim mas nada ganharia em o fazer pois o único e grande objectivo é Paris e é para isso que dou qualquer passada. Como se sabe, a razão diz-nos que em treino não se passa os 30 para evitar aquele desgaste que prejudicará nos próximos tempos. 

E assim, parei aos 30. Bem, vivinho da Silva e não morto como me sucedeu no final dos 26 da semana passada. Só queria estar a 12 de Abril como hoje! E fiz estes 30 sem qualquer gel, sem reforço de massa nos últimos dias e apenas com uma garrafita de água! Imaginem com todas as comodidades.

Foi de longe o melhor longo que alguma vez realizei e a primeira vez que num de 30 corri sempre, nem 1 metro andei.

Esta preparação para Paris está cada vez melhor e ainda tenho mais 11 longos para ir a Paris o melhor possível e cortar aquela meta com a sensação de dever cumprido e poder descarregar todas as muitas emoções.

Razões para este momento, vejo três. O meu grande sonho de correr em Paris, esta preparação vir na sequência doutra Maratona e o plano nutricional destinado a ganhar mais energia e perder peso, e já lá vão 4,5 kg (obrigado Filipa Vicente!)

Sinceramente, está tudo a correr tão bem que até estou com "medo" do que se está a passar. Nós atletas somos assim, afligimo-nos nos maus momentos mas até estranhamos os bons!

Não quero terminar sem agradecer aos meus ultra-amigos Isa e Vítor a sua sempre excelente companhia, possibilitando-me o ter feito hoje o que fiz e que sozinho não o teria conseguido. Aqueles 17 km iniciais acompanhado foram fundamentais para evitar o desgaste e depois aquela brincadeira de vai à frente, vai atrás, fez com que os quilómetros voassem.

Enfim, o que mais posso dizer além de que estou com a confiança no topo dos topos? :)

Obrigado ultra-amigos :)

27 comentários:

  1. Esses treinos sabem tão bem, não sabem?... :)
    Agora vê lá, não te entusiasmes com os kms!!! Qualquer dia temos também o João Lima, Ultramaratonista... ;)
    Beijinhos e continuação de muitos e bons treinos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não vais começar, também tu, com a Ultra, pois não? :)

      Muito obrigado Rute! A confiança está em alta :)

      Beijinhos

      Excluir
  2. Espectacular...estou muito feliz por te ver assim e há que aproveitar a onda...desejo que as semanas que faltem sejam tão boas como as que já passarem nesta preparação para Paris...e vão ser, vais ver. Força nisso João. Grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Carlos "voador"!

      Os indícios que tenho é que vão ser tão boas ou melhores, mas até tenho medo de dizer isto :)

      Um grande abraço Carlos e, nunca é demais repetir, parabéns!!!

      Excluir
  3. Qualquer dia a maratona sabe-te a pouco!
    Complicado, complicado vai ser derrubar aquela muro (é mais uma Muralha da China!...) que te impede de ver para além dos 42,195 km!...
    Mas gente ajuda-te a derrubar isso não não é assim perneta turbo, vulgo Papa Km tão conhecido por Carlos Cardoso?
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tu tens um grande mérito, não desistes de modo algum, mesmo que seja uma causa perdida.
      Eu é que já desisti de te explicar que não é nenhum muro que me impede de ver para lá dessa distância. Mas como a minha explicação não te convenceu, já não respondo, limito-me a apreciar os teus esforços, eh eh :)

      Um grande abraço e que 2015 seja o ano em que faças aquilo que a gente sabe! :)

      Excluir
    2. Eu nesta estou com o Eremita de Muge..hehehehe...e olha que tb consigo ser um chato do caraças :)...
      ...ó Jorge Branco...aqui que ninguém nos ouve ou lê, vamos fundar um clube chamado "Ultralima" e melgar o sujeito até que ele ceda para nos calar??? Que dizes...

      Excluir
  4. Grande texto. Inspirador, vamos ver se é este ano que me atiro aos 42... :)

    Força

    ResponderExcluir
  5. Respostas
    1. Estou! Eh eh

      Obrigado, grande Pedro

      Um abraço

      Excluir
  6. Força João!

    Mais cedo tivesse respondido ao teu comentário no meu blog e mais rápido te tinha encontrado a correr eheh ;)

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, coincidência! :)

      Obrigado e um abraço

      Excluir
  7. Grande João! Ontem «esfalfei-me» para fazer 22 (que até foram 23) e leio sobre os teus 30! Grande treino! Preparação em alta! Força! Grande abraço
    PSousa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Paulo!

      Espero que se mantenha o bom momento :)

      Um abraço e força

      Excluir
  8. Há dias e treinos assim, mas a cabeça também tem de falar mais alto e temos de saber parar. Mas que sabe bem lá isso sabe! :)

    Um abraço e continuação do excelente momento!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ponto mais importante numa Maratona é a cabeça, que tem que estar confiante. e este treino veio dar uma ajuda imensa!

      Obrigado e um abraço

      Excluir
  9. Parece que desta vez, e finalmente, está tudo bem encaminhado.
    Desta vez está tudo a correr super bem e estás em grande forma.
    Vais chegar a Paris e ninguém te pára! :)
    Beijinhos amigo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esperemos que sim, após os problemas na preparação para Sevilha e Porto, já merecia uma preparação assim :)

      Beijinhos e força, amiga

      Excluir
  10. Brutal! Percebo perfeitamente o teu estado de euforia, que grande treino!

    Ah, eu sou da equipa LimaMaratonista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma boa euforia, não é?

      Um abraço e obrigado

      Excluir
  11. Fantástico João, que grande treino e grande forma também. A continuar assim Paris vai ser quase um passeio :)

    Grande Abraço e força nisso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João... há dias assim, não quer dizer que seja sempre como foi :)
      E uma Maratona nunca é um passeio :)))

      Força para a tua preparação

      Um abraço e até ao dia 18 :)

      Excluir
  12. Meu caro
    um bom ano para ti e família.
    Quanto a Paris vai ser memorável com toda a certeza, o caminho esse já o está a ser.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado António!

      Um excelente ano também para ti e todos os teus!

      Vai ser memorável! :)

      Um abraço

      Excluir
  13. João, fico contente por te ver assim entusiasmado.
    Estás em grande forma!
    Parabéns!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado amigo!
      As coisas estão a correr ainda melhor do que poderia desejar :)

      Um abraço e força para ti!

      Excluir