quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Acabar o ano em beleza na sempre espectacular Amadora! (edição 40 com record de participantes)

Os quatro 4 ao km presentes, (eu, Eberhard, Vítor e Isa), com o amigo Isaac

No final do meu 9º ano de corridas, participei pela 8ª vez na São Silvestre da Amadora. Apenas faltei em 2008, onde estava inscrito, pois parti o pé esquerdo duas semanas antes. E apenas qualquer coisa de redutora como partir um pé me fará estar ausente desta prova.

Mais do que uma corrida, mais do que um desejar de bom ano aos amigos e conhecidos, este evento é uma verdadeira festa do maravilhoso público da Amadora que enche as ruas a incentivar-nos. E isso é música para os nossos ouvidos e ego.
Como sempre, um reconhecido muito obrigado a este maravilhoso público!

E para comemorar esta edição especial, a número 40, nada como dar o melhor de mim e realizar a 2ª melhor marca das 8 presenças nesta São Silvestre! E, desde que iniciei o tão ambicionado plano Maratona de Paris, tudo tem andado a correr sobre rodas. E cada vez melhor. Os níveis de confiança estão no topo dos topos!

E com um sugestivo dorsal com o número 426. Reparem bem, os dois primeiros números, 42, os quilómetros duma Maratona, e os dois últimos 26, o número de milhas duma Maratona. E depois não digam que sou eu que ando obcecado quando é por demais evidente, eh eh!

Iniciei a prova com o João Cravo, que se vai estrear na mítica distância em Paris, e fui com ele até aos 3 km, altura que ele seguiu a caminho do seu record (está a correr muito e bem!). O ritmo era muito bom, mesmo com as subidas iniciais, estando no limite do que aguentava sem colocar em causa o resto da prova.

Mas estava, devo confessar, expectante com o que acontecia atrás de mim pois sabia que a Isa queria bater o seu record dos 10 km e, para tal, tinha que iniciar um pouco mais devagar para depois ligar o turbo.

Foi aos 5 km que fui alcançado pelo casal Isa e Vítor e apercebi-me logo do seu grande ritmo a indiciar que era possível. Mas tal como chegaram ao pé de mim, tiveram que encostar pois desapertou-se um atacador no sapato da Isa e continuar assim era perigoso.


Mal a vi encostar para apertar o maldito atacador, decidi disparar e dar o tudo por tudo de modo a que me vissem como ponto de mira, na minha modesta contribuição de espécie de lebre.

O que é certo é que tal resultou em que a minha média melhorasse o já de bom que era e tentei prolongar o máximo possível a situação, enquanto ia olhando para trás e incentivando. Não é que a Isa precisasse pois estava diabólica mas sei que incentivos ajudam sempre.

Finalmente, muito perto dos 9 km fui alcançado o que me permitiu relaxar um pouco o andamento pois já ia na linha vermelha que só a aguentava com o fito de ser uma espécie de lebre.

O último quilómetro foi assim para desfrutar, apesar da média pouco se ter ressentido. Cortei a meta em 54.26, o que foi, como já disse, a 2ª melhor marca nas minhas 8 participações aqui e a 3º melhor do ano em 12 corridas de 10 km

Altura para festejar. Estão a perguntar se a Isa sempre bateu o seu record? Pois terão que ler a história quando ela a publicar no seu excelente blogue. Apesar de estar desconfiado que já perceberam o desfecho... (ih ih ih, orgulho de afilhada!!!)

O único ponto negativo desta noite foi pensar que em 2014 já não corria mais... mas cheira-me que em 2015 vou correr e MUITO! :)


E se tudo correu às mil maravilhas para este lado, o que dizer para a organização? Mais uma edição de sucesso e esta bem prendada com record de participação. Foi só no ano passado que se quebrou a barreira dos mil, com 1.121, e este ano foram 1.237 a cortar a meta, sendo 203 femininas (16,4%). Aliás o aumento de atletas foi mais significativo no sector feminino (23,8% contra 7,9 nos masculinos), o que são excelentes notícias.

De destacar que durante mais de 25 anos a prova andou sempre na casa das 5 a 7 centenas de classificados, para nos últimos 3 anos disparar sucessivamente 3 records (936, 1.121, 1.237)

Competitivamente, alinharam grandes valores que monopolizaram os primeiros lugares, sendo que os vencedores foram em estreia: Doroteia Peixoto dos Amigos da Montanha em 34.45 e Rui Pinto do Benfica em 29.49 (Benfica que ocupou na integra o pódio masculino).
Foram seguidos por, em femininos, Cláudia Pereira, Sara Pinho, Leonor Carneiro, Catarina Carvalho, Silvana Dias, Vera Nunes, Daniela Cunha, Solange de Jesus e Margarida Dionísio. Em masculinos, Youssef el Kalai, José Moreira, Eduardo Mbengani, Ricardo Mateus, Nelson Cruz, Hugo Correia, Bruno Henriques, Sérgio Silva e Emiliano Vieira.

E pronto, em palavras foi isto a São Silvestre da Amadora, em emoções elas estão cá bem guardadas!



19 comentários:

  1. Muito, muito bom...sente-se pelas tuas palavras que está tudo a correr bem e a motivação está em alta. Que continue assim...
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nota-se muito? :)))

      Um abraço

      Excluir
    2. Só um bocadinho asssssiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiimmmmmmmm :)
      ..e ainda bem :):):)

      Excluir
  2. Estás aquela maquina!
    E eu aqui contente com o meu mini treino do primeiro dia do Ano em que até perdi um sapato na lama (quer dizer fiquei descalço mas recuperei o dito) e que acabou com um banho quase gelado devido a não haver pressão na água!
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já andas a (quase) perder sapatos?!?

      Um abraço

      Excluir
  3. São excelentes indicações João, como nós sabemos, temos os nossos limites , teres feito o teu segundo melhor tempo nesta prova é um bom indicador de que estas a fazer tudo certinho.
    Bom ano, os parisienses que se cuidem :)

    Manuel Nunes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Manuel Nunes, eu quase que estou com medo que esteja tudo a correr tão bem pois não é habitual! :)

      Um abraço e um feliz 2015

      Excluir
  4. Parabéns João, fizeste uma grande prova!
    E ajudaste bastante o nosso ritmo:)
    Em termos de apoio popular, esta é a melhor prova que conheço, espectacular!

    Que corras muito e bem em 2015!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E tu, ainda mais vais correr! :)

      Parabéns aos dois pela extraordinária prestação!

      Um abraço

      Excluir
  5. Grande tempo que fizeste amigo!
    Estás mesmo em grande forma.
    Quanto a mim....maldito atacador...será que consegui? ;)
    Beijinhos e que 2015 seja um ano recheado de corridas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estou em grande forma? E vocês?!? :)

      Quanto ao atacador... vamos manter o suspense... (ih ih ih)

      Beijinhos e que tenhas muitas (e longas!) corridas em 2015

      Excluir
  6. Mais uma para o histórico!

    Bem e eu de marcar férias para o dia 31 de Dezembro de 2015 :D

    Um abraço João!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, Vítor, marca que esta é imperdível! :)

      Um abraço!

      Excluir
    2. *Bem e eu acabei de marcar férias...

      Excluir
  7. É fantástico fazer esta prova, achei que este ano ainda havia mais apoio do que no ano passado. Prova imperdível.

    Tiveste um grande resultado, e deste-me também uma grande ajuda, se não tivesse seguido aquele ritmo inicial contigo não tinha feito aquele tempo no fim.

    Grande Abraço :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazias, fazias, tu ias muito bem! :)

      Um abraço e em força na preparação!

      Excluir
  8. Um bom ano João. Ainda passei por ti nos primeiros kms a subir.

    De facto, a SS da Amadora é uma corrida única, fabulosa pelo apoio popular e pelo sentimento de passarmos o ano a correr.

    Abraço e Bom 2015

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida! É única!

      Um abraço e excelente 2015

      Excluir