domingo, 30 de outubro de 2016

Venha o Porto...


No exacto minuto que este artigo é publicado, arranca de hoje a uma semana a 13ª edição da Maratona do Porto.

Há 4 anos estreei-me na mítica distância, convencido que essa seria a minha única experiência em Maratona.

Há 2 anos participei na Maratona do Porto, fazendo questão de cortar a meta a fazer o 3 com os dedos da mão, como pode ser visto na foto em cima, aplaudido pela grande campeã Aurora Cunha. Isto pela razão de sentir que era um número significativo. Passava a ser tri-maratonista!

Pois agora estou a 7 dias de, se chegar à meta, concluir a minha 7ª Maratona!

E digo se chegar à meta pois, por melhor preparado que estejamos, nunca nada é garantido, muito menos numa distância destas onde qualquer problema não perdoa (e estou a falar por experiência própria).

Por melhor plano que tenhamos cumprido, receamos sempre não ter feito o suficiente. No entanto, tenho a plena consciência que nunca me preparei tão bem para uma Maratona como esta. Aliás, nunca treinei tanto, em quantidade e qualidade, como durante este ano.
O que poderá ser importante mas também poderá não significar nada. Se qualquer super-campeão tem sempre os seus dias bons e maus, não haverá de suceder o mesmo a simples amadores como nós?

Sei, por me terem confessado, que há quem tenha a fasquia demasiado alta para o que poderei alcançar na Invicta. Peço-vos que não o façam. Todo este treino não significou que vou atrás de records. Vou sim, à procura de tentar cumprir a distância o melhor possível.
Se noutras distâncias aponto em certas provas para melhores marcas, em Maratona os meus únicos objectivos são, em primeiro lugar, terminar, e em segundo lugar fazê-lo o melhor possível. Isso, para um atleta com as minhas poucas capacidades, é a grande vitória. Acreditem que para quem foi sedentário durante cerca de 30 anos e sem aptidão especial para o desporto, cortar a meta numa Maratona equivale intimamente a uma medalha olímpica. Porque venci o maior e mais temível dos adversários, eu.

Agradeço todo o apoio que tenho recebido e espero poder ser, uma vez mais, muito feliz no próximo domingo.

E desejo a todos os participantes uma óptima prova e que realizem todos os seus sonhos!
Um desejo ainda mais especial para quem se vai estrear e sentir o orgulho tremendo de ser Maratonista. Toda a força do mundo e sejam felizes, muito felizes.
Como conheço pessoalmente dois, não sei se haverá mais, muita força para o Nuno Moreira e Sandra Arraias que estão a 7 dias de passarem da era AM para a era DM (Antes Maratona / Depois Maratona)

E não quero terminar sem relatar um assustador episódio passado na 5ª feira e que prova que tudo pode mudar num segundo.
Fui treinar com a Isa e o Vítor a Lisboa. Começámos no Estádio 1º de Maio e fomos na direcção da Expo retornando aos 5 km para completar um treino de 10.
Pois com cerca de 9,5 km íamos sendo atropelados numa passadeira! 
Vínhamos na Rio de Janeiro e atravessámos pela passadeira a Ricardo Jorge (ironicamente uma rua com o nome do meu filho). 
Não vinha ninguém e estávamos a meio da passadeira quando aparece um carro vindo da Rio de Janeiro, com uma senhora idosa ao volante e que, apesar da boa visibilidade e luminosidade, continuou a marcha como se ninguém estivesse ali e só parou quando nos teria atingido caso não tivéssemos dado um esticão e fugido da frente do carro por escassos centímetros. Vi bem o farol direito a aproximar-se rapidamente de mim e nem sei como não fui atingido.
Assustados, olhámos para a senhora que teve um gesto de desagrado, gritou "o qué que foi?" e arrancou.
Ficámos um bocado parados a recuperar a respiração que tinha disparado e nem sequer conseguia correr logo de seguida pois as pernas tremiam-me. 
Como tudo pode mudar num segundo...

31 comentários:

  1. Uma Maratona muito feliz, é o que te desejo João. E vai ser! Um grande beijinho e que sejas uma vez mais, muito feliz no Porto. E o "terrível adversário" é vencido uma vez mais! Adorei a expressão!

    ResponderExcluir
  2. Bem, lembro alguém que aqui há uns anos tb foi atropelado nas vésperas duma maratona. Isso pode ser uma premonição para como aconteceu com ele, obteres tb uma vitória no próximo domingo. Espero que corra tudo bem e gozes mais um momento que irá perdurar. Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Queres acreditar, Alexandre, que depois de passado o susto foi do Carlos Lopes que me lembrei primeiro? :)

      Muito obrigado!

      Um abraço

      Excluir
  3. Isso da passadeira foi mesmo assustador João. Não tinha graça nenhuma repetir a experiência do Carlos Lopes. Um grande abraço e votos de uma excelente maratona.
    Ricardo_A

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há Maratona sem susto antes :)

      Um abraço, Ricardo, e muito obrigado!

      Excluir
  4. Grande preparaçao quw fizeste. Força Joao. La estaremos para mais uma. Só espero que esteja mais fresco que hoje. Abc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Nelson e muita força para ti!
      O São Pedro vai ser nosso amigo :)

      Um abraço

      Excluir
  5. "Sei, por me terem confessado, que há quem tenha a fasquia demasiado alta para o que poderei alcançar na Invicta. Peço-vos que não o façam. "

    Já te disse 06:00:00 fico muito feliz! Igual ou abaixo das 05:59:59 festa da rija aqui na redacção do UK! :)

    Iam sendo atropelados antes da Maratona mas o grande Carlos Lopes foi mesmo e olha o resultado que ele fez... Quem sabe esse quase atropelamento é um prenuncio de uma boa maratona... :) Bem qualquer maratona é boa pois cortar a meta já é uma festa! (dento do espírito actual pois eu já acabei uma que não gostei mesmo nada mas eram outros tempos e objectivos). Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por acaso não me referia a ti (apesar de...) :)

      Muito obrigado pelo teu sempre constante apoio!

      Um abraço

      Excluir
  6. Em 2014 cruzei-me por ti e houve aquele momento "dá cá 5" inesquecíveis. A minha primeira maratona em que muito me motivaste a não esmorecer. Este ano não estarei lá, fisicamente. A correr bem, estarei a fazer o meu longão. Contudo não deixarei de pensar em ti e em vós, mataronistas. Em ti, em especial, retribuo toda a força e motivação que sempre me injetaste e continuas a fazê-lo.
    Após 6 maratonas, a experiência já é um posto e cada km é uma conquista com outro nível de maturidade. Conquista-os com a tua alma de guerreiro e a vitória é garantida. Até à meta! ;) Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pelas tuas palavras, Elisabete!
      Para mim é que foi uma honra ser o teu km 32 :)

      Olha que após 6 Maratonas ainda não sinto maturidade. Sinto sim é o saber que se já consegui terminar algumas que foram bem complicadas, tudo se conjuga para o fazer novamente :)

      Beijinhos e força para a tua daqui a mais um mesito

      Excluir
  7. Grande susto terá sido, mas felizmente não passou disso e ainda bem. Por isso, é um sinal de que tudo vai correr sobre rodas e vais cortar pela 7ª vez aquela meta mágica. E eu vou lá estar!!!
    Abraço e até sábado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sob rodas é o que nos ia acontecendo...
      Muito obrigado Carlos e muita força para o teu voo de domingo.

      Um abraço e até Sábado!

      Excluir
  8. Em primeiro lugar, fico aliviado por ter sido apenas um (grande!) susto. As comparações com o Carlos Lopes são inevitáveis! Depois disso o incidente do joelho até parece brincadeira!

    Infelizmente - e nem tinha partilhado isto - no treino de 2a feira o meu colega que ia uns metros à minha frente foi assustado por um carro que guinou propositadamente para a berma, fez-lhe uma razia, travou ao lado dele e seguiu viagem a gesticular. Eram umas 20:30 mas íamos bem iluminados e em total segurança. Incrível.

    Obrigado pelas palavras de força e pelo constante apoio! Ser referenciado neste espaço já equivale a meia maratona! :)

    Um enorme abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guinar de propósito?!? Incrível!
      É preciso muito cuidado...

      Força que daqui a 6 dias vamos todos ser muito felizes :)

      Um abraço

      Excluir
  9. João, a minha fasquia é apenas que termines a Maratona. Bem e feliz.
    E que os 42kms e uns trocos sejam plenos de alegria. Afinal de contas é para isso que corremos.

    Um beijinho muito grande e conta com todo o nosso apoio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei que conto :)

      Muito obrigado Anabela, é mesmo para isso que corro!

      Beijinhos

      Excluir
  10. João , vai correr tudo bem , a forma como a preparaste vai estou certo dar resultados .Mais que terminar vais surpreender!Espero estar contigo para um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Joaquim e até domingo

      Um abraço e força!!!

      Excluir
  11. Venha a sétima!
    E que sejamos todos muito felizes a corrê-la :)
    Beijinhos e...AI CA MEDO!!!

    ResponderExcluir
  12. João, muita força e que consigas atingir todos os teus objectivos para esta maratona!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Vitor e o mesmo para ti!

      Um abraço!

      Excluir
  13. Olá João, ficamos a torcer aqui deste lado!!!
    Força nas pernas e na mente e que o próximo Domingo seja como mais desejas!
    Beijinhos,
    Sofia

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Muito obrigada pelo incentivo! Tinha razão, foi uma experiência única e inesquecível :) Muito bom! Que venha a era DM :)
    Espero que a sua Maratona tenha corrido bem.
    Bjs
    Sandra Arraias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitos parabéns Maratonista Sandra!

      É uma sensação só sentida, não é? :)

      A minha foi uma uma maravilha! Tirei 15 minutos ao meu anterior record!

      Beijinhos e uma excelente recuperação!

      Excluir
    2. Olá, Obrigada. É mesmo!
      Ainda bem que correu bem!
      Boas corridas :)

      Bjs

      Excluir
  15. O mundo é uma ervilha. Em Gaia pouco depois da meia maratona, o meu colega de equipa que me ia a acompanhar estava a falar com duas pessoas que disseram ser de Agualva-Cacém. Eu ia um pouco atrás, mas ao ouvir a localidade avancei e comentei que tinha vivido mais de 20 anos lá ao lado em Massamá, portanto estávamos entre vizinhos.

    Foi nesse instante que os dois estreantes mencionados neste post se cruzaram na prova. :) Ele há coincidências do caraças!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nuno,

      Lol lembro-me perfeitamente! o mundo é mesmo pequeno.

      Boas corridas e até à próxima 😁

      Excluir