terça-feira, 4 de outubro de 2016

Actualização das Maratonas nacionais: Lisboa com dois novos máximos


A 4ª edição da Rock'n'Roll Maratona de Lisboa, disputada este domingo, trouxe dois novos records em Maratonas disputadas em solo nacional. 

Um, o melhor tempo feminino jamais feito no nosso país, Pertencia desde o ano passado a Purety Rionoripo onde, também na Rock'n'Roll, registou 2.25,09. Pois este ano, Sarah Chepchirchir, também queniana como Purety, melhorou para 2.24,13.

O outro novo record é do maior número de países representado na prova, e o aumento é significativo. Pertencia há mesma prova em 2014 com 56 países diferentes, este ano subiu para 68, representando 2.227 estrangeiros, número cujo máximo se mantém desde o ano passado com 2.396.

Vamos agora aguardar pelo Porto (6 de Novembro) pois é expectável que a participação torne, uma vez mais, a aumentar.

Assim, temos que a relação dos actuais records de Maratonas em solo nacional está como se segue:

Classificados
4.406
Porto 2015
Masculinos
3.848
Porto 2015
Femininos
710
Lisboa 2015
Portugueses
3.135
Porto 2015
Estrangeiros
2.396
Lisboa 2015
Países
68
Lisboa 2016
Marca Masculina
2.08.21
Lisboa 2014
Marca Feminina
2.24.13
Lisboa 2016

6 comentários:

  1. mais um excelente trabalho de "campo"do João .Também estou curioso como vai ser no Porto ,pelo ultimo "ruído" vamos ter recorde de participantes... abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que sim. Esperemos que sim :)

      Um abraço

      Excluir
  2. Grande trabalho, como de costume, João Lima.
    Quem como eu correu as suas modestas 4 maratonas na década de 80 do século passado isto é tudo do outro mundo!
    Quando vejo estes números penso em toda uma imensidão de pessoas que com seu trabalho voluntário conseguiram dar esta força toda à corrida em Portugal.
    Mas como é impossível referir o nome de todos deixo aqui um que representa bem todos os que trabalham em prole da Corrida Para Todos em Portugal: o Professor Mário Machado que entre muitas outras coisas lançou a Maratona Spiridon que foi a primeira maratona popular em Portugal num tempo em que se ser maratonista ainda era algo de estranho!

    ResponderExcluir
  3. Adoro estes trabalhos - obrigado João.
    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Obrigado pelos seus dados, João! Posso fazer uma pergunta: o número de corredores que terminaram a maratona de Lx este ano foi inferior ao do ano passado? Abraço, Antonio Goucha Soares

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, este ano foram 308 menos.
      Está aqui o historial da prova:
      http://joaolima.net/Provas/Rock_n_Roll_Maratona_de_Lisboa.htm
      Um abraço

      Excluir