domingo, 14 de outubro de 2012

Meia da Moita - Uma Meia como deve ser!


A Meia-Maratona Ribeirinha da Moita atingiu hoje a sua 15ª edição, numa história de sucesso onde as boas  organizações ano a ano têm fidelizado os atletas.  


Receava-se que a Corrida do Sporting retirasse participação, mas apesar do enorme sucesso da prova leonina, subindo dos 3.329 classificados na edição inaugural para 4.181 hoje, os números da Moita apontam para a média habitual. Menos que no ano passado (653) mas em linha com os valores desde 2007.

Hoje finalizaram 579 atletas, sendo que o sector feminino esteve mais fraco em quantidade, não em qualidade, com 37 senhoras (apenas 6,4%). E foi neste sector que se deu o único ponto negativo que descortinei, a existência de apenas um escalão de veteranas. 


Competitivamente, o Tanzaniano Faustine Stareme venceu em 1.07.05, vendo o segundo classificado chegar  44 segundos após, o agora atleta da Conforlimpa, Sérgio Silva, que terminou 10 segundos à frente do olímpico Nélson Cruz do Praia da Salema. Seguiram-se dois atletas do Reboleira, João Vieira e Bruno Fraga.


O sector feminino foi ganho pela queniana Mary Wacera Ngugi com o crono de 1.13.43 e um avanço exacto de 6 minutos sobre a benfiquista Vera Nunes. Completou o pódio Ana Mafalda Ferreira do Estreito a 39 segundos de Vera Nunes. Seguiram-se-lhes Margarida Dionísio e Anabela Gomes.


Colectivamente o pódio foi composto pelo Reboleira, Leões de Porto Salvo e Odimarq.

Esta edição marcou a minha estreia nesta Meia, da qual já tinha ouvido excelentes referências que as confirmei por inteiro. Uma Meia pensada com cabeça, tronco e membros, feita por e para atletas. 
Não é mediática mas tem um lote de fiéis atletas que se habituam a conviver com ela anualmente.
Tal como já referi, o único ponto a melhorar é a existência de apenas um escalão de veteranas. E até pela baixa participação feminina, há que incentivar as nossas atletas a virem aqui.


Foi a minha terceira Meia consecutiva, sempre com o pensamento na estreia na Maratona (faltam 8 semanas), sem me preocupar com o resultado final mas a testar ritmos. Senti-me bem como nas anteriores, ajudado por uma temperatura mais amena e uma ligeira chuva por volta do oitavo quilómetro,  acabando com 2.10.18, 4 minutos e meio melhor que na semana passada.
Os ritmos estão a ser bem estudados e espero que tudo corra sem percalços nestas 8 semanas.

A próxima semana marca uma excepção neste calendário de Meias com a Corrida do Tejo, prova que faço questão de não faltar de modo algum, e que simultaneamente funciona como o necessário ponto de acalmia que um plano de carga tem que contemplar. Além disso, vou ter uma "missão" especial nesta prova que é ajudar uma atleta a bater o seu record nesta distância e onde pretende baixar pela primeira vez da hora. 
E não há maior prazer que podermos ajudar outros atletas a alcançar os seus objectivos 





O que têm estes dois atletas, eu e Pedro Carvalho, em comum? Um grande desejo de cortarem a meta na sua estreia numa Maratona!

11 comentários:

  1. Olha dois pré maratonista sorridentes e felizes! É disto que eu gosto!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ver se mantemos o mesmo sorriso a 9 de Dezembro!

      Ou melhor, o mesmo não será. Ou desapareceu ou é de orelha a orelha!!!

      Excluir
    2. Este desporto é mesmo assim Jorge, sofrimento QB mas muito boa disposição entre Amigos.
      E a 9 de Dezembro vamos estar por certo com esse sorriso de orelha a orelha... e mais além. ;)

      Excluir
  2. Vamos a caminho amigo João, cada vez mais perto.
    Hoje foi mais um passo até aos 42.195 metros da última etapa. ;)
    O meu obrigado também à tua esposa pelas fotos que me tirou no final. Claro que já as roubei... ;)

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui não há roubos, Pedro. Estão ali para quem as quiser :)

      Como no Picasa ficam com uma resolução mais baixa, diz-me as que queres que te enviarei com a qualidade e tamanho originais.

      Excluir
  3. Muito bom João , é sempre a abrir.TRES MEIAS SEGUIDAS !uff!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ser! Tenho que meter quilómetros para a Maratona :)

      Excluir
  4. João, parabéns por mais uma Meia a caminho do objectivo!

    Força para os pré-maratonistas, já falta menos de 2 meses... :)

    Boa semana e bons treinos!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns por mais uma Meia, que, a julgar pelo sorriso e pelo tempo feito, foi bem conseguida.
    A Corrida do Tejo já está aí à porta =)
    Beijinhos, bons treinos e até domingo!

    ResponderExcluir