sábado, 23 de janeiro de 2016

No Nacional de Estrada


A armada 4 ao Km presente. Em cima com a Joana e Eberhard, em baixo com João Cravo e Joana

Com um óptimo tempo para a prática da modalidade, quase parecendo primavera, disputou-se hoje o 2º evento do Lisboa a Mexer, desta feita integrado no Campeonato Nacional de Estrada.

O nosso desporto é o único que nos permite competir ao lado dos grandes campeões, como foi hoje, e mais uma vez, o caso. E por falar em campeões, sagraram-se Dulce Félix e Rui Silva, a nível individual e o Benfica colectivamente, tanto em femininos como masculinos.

Dulce Félix, completamente no ar, a voar para a meta

Até Barcelona, inscrevi-me apenas em três provas, sendo que duas (Fim da Europa e 20 Km de Cascais), pela sua extensão, fazem parte do plano de treinos, a de hoje foi a única excepção.

Estou numa fase de meter muito quilómetro, muita carga, para depois tirar os devidos proveitos. Proveitos esses que virão depois e não agora. Por isso, e por estar um pouco desgastado de tanto treino, considerava que repetir o tempo da Amadora (na casa dos 55 minutos), já era bom.  

No entanto, também sabia que esta seria a única corrida de 10 km até final de Março e por isso desejava marcar um tempo simpático de referência.

Assim, comecei a atacar, sem saber até onde iria. E deu até à meta, que cortei em 53.29, o que para o momento actual foi bem bom, melhor do que esperava.

Perto do final, já custava...
O percurso foi: Cidade Universitária - Campo Grande - Saldanha - Campo Grande - Campo Pequeno - Cidade Universitária, onde as únicas dificuldades eram os túneis.

Em relação à organização, a nota é negativa, por 3 factores, sendo que o 3º que vou listar obriga sempre a nota negativa. As razões:
1ª Má informação antes da prova, com confusão com a hora da partida. A real foi de 16 horas para a elite feminina e 16.10 para os restantes, mas o próprio regulamento da Federação Portuguesa de Atletismo dizia 16 horas para masculinos e femininos.
2ª Num campeonato nacional, não há tempos de chip pois o tapete apenas foi colocado para a chegada, estando ausente na partida, sendo que ambas eram no mesmo local
3ª O reabastecimento dos 5 km esgotou a água pouco depois da minha passagem, e enquanto havia ainda muitos atletas em prova (e mesmo que estivesse apenas um...), e na chegada não houve água, pelo menos na altura que a cortei e até ao último. 
Sabe-se de antemão quantos atletas estão inscritos e água é algo que não pode faltar!

Em virtude desta corrida, o longo vai ser realizado no início da semana.



12 comentários:

  1. Grande prestação João.
    Quanto à prova em si já sabes: 10 km nunca foram a minha praia e depois esse percurso e essas falhas organizativas é prova que para mim não tem nenhum interesse.
    Tenho mesmo pena é que tenha acabado o regional de fundo da AAL na distancia de 30 km. Isso sim é que dava luta! Curiosamente o numero de maratonista subiu imenso em Portugal mas as distancias em estrada estagnaram na meia maratona. Porque não há provas de 25 e 30 km se o número de maratonistas é muito maior? Provavelmente também tem a ver com os custos organizativos que provas mais longas implicam e que em estrada ainda são muito mais agravados. Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo em que faltam distâncias intermédias (30 km era óptimo) e também concordo contigo que será uma questão de custos cada vez maiores. Só o policiamento para essa distância...

      Um abraço

      Excluir
  2. http://www.fpatletismo.pt/pt/resultados-2016

    ResponderExcluir
  3. Estava inscrito mas não fui, decidi dar prioridade ao meu treino (cedi o dorsal a um amigo). Mas pelos vistos ainda bem que não fui, ia ficar desiludido com essas falhas, ainda por cima estando a falar do Campeonato Nacional de Estrada.

    Continuação de boa caminhada até Barcelona João! Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Vitor mas, fazendo um trocadilho, espero que em vez de boa caminhada, seja boa corrida até Barcelona :)

      Um abraço

      Excluir
  4. Bom tempo, João, bom tempo.

    Estive para me inscrever mas não estava em estado de ir r não fui e ainda bem.

    Campeonato de estrada, esses teus pontos mostram que só olharam para a Elite, o resto foi desconsiderado.

    Triste mas não espanta.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado

      A FPA já emitiu um comunicado a pedir desculpa:
      http://www.fpatletismo.pt/pt/comunicado-campeonato-nacional-de-estrada-lisboa-a-mexer

      Um abraço

      Excluir
  5. Boa prestação João, nota-se a forma a voltar, mesmo a tempo ;) ... parabéns!
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Carlos. Sim, aquele problema do antibiótico não vai prejudicar Barcelona.
      Lixou foi, pela enésima vez, o ataque ao sub50 que deveria ter sido no GP de Natal...

      Um abraço

      Excluir
  6. Ruma á Catalunha em grande forma!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim o esperemos :)

      Um abraço e obrigado

      Excluir