sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

Na Amadora com um "é até cair pó lado" que durou até à meta

Acabar o ano rodeado de amigos (Nuno, João Cravo, Sandra, Eberhard, Isa e Vítor)

No final da minha 10ª época de corridas, nada como terminar, como sempre, na Amadora e seu maravilhoso público.

Em 10 anos de Atletismo, esta é aquela em que estive inscrito todos os 10 anos, tendo participado por 9 vezes pois em 2008, dias depois da inscrição, parti o pé. E só um pé partido me impediu de estar naquele ambiente.

Para mais, esta é uma prova que sempre a fiz bem. Porém, este ano as dúvidas eram mais que muitas devido ao tal ataque que aquele maldito antibiótico fez e deixou marcas ainda presentes nas pernas, como se comprovou na véspera nos Olivais onde marquei um dos piores tempos de sempre com 1.08.10. E a juntar a isso, esse cansaço dos Olivais a fazer mossa.

Porém, e nisto das corridas há sempre um maravilho porém, a cabeça consegue ser em determinadas alturas muito poderosa.

Queria acabar bem o ano, até como homenagem a um espectacular ano (estou a falar em termos de corridas), onde se exceptuar o mês de Agosto por uma lesão, andei sempre em muito boa forma até Novembro e onde pontificaram dois grandes momentos, o concretizar do sonho de fazer a Maratona de Paris e o vingar-me da Maratona de Lisboa.
O mês de Dezembro foi mau (e quando me preparava para bater o record da Meia e tentar, finalmente, o sub50 aos 10) mas gostava que terminasse de forma marcante.

Com esse desejo de acabar bem este ano, com o ambiente tão festivo desta São Silvestre, e com a ajuda do "colinho" deste maravilhoso público, tomei a decisão, logo após a partida, de esta ser uma prova "até cair pó lado". Iria lutar com tudo o que tinha e enquanto desse, dava. Se dava o berro aos 2, 5 ou 7 km, isso iria ser uma questão para resolver na altura. O momento era para correr "em raiva".

Ora, tal como disse acima, a mente pode ser muito poderosa! 
Como tenho referido, este meu problema parte-me em dois pela cintura. Para cima, a cardio boa, para baixo, dores estranhas e insuportáveis nas pernas. Ora o que a mente fez foi como que anestesiar as pernas (tal como em Sevilha tinha anestesiado o então problema pulmonar).

Não sei explicar como estas coisas acontecem mas há que aproveitar o momento e dei-lhe bem por toda a prova, sempre ajudado, nunca é demais repetir, pelo maravilhoso e incansável público.

A dar-lhe bem!
E foi assim, anestesiado e em raiva, que os quilómetros foram sido percorridos e o tal "é até cair pó lado", durou até à meta sem "cair pó lado"!

Apesar de pouco ter corrido este mês, consegui marcar 55.28 que me encheu de orgulho e alívio.

Agora há que resolver isto de vez para um 2016 em grande. 2016 com dois grandes objectivos. Em Março a Maratona de Barcelona e depois falamos do que será o segundo (desde que não me mandem internar!).

De realçar que esta 41ª edição da São Silvestre da Amadora bateu o record de participação com 1.295 atletas, mais 58 que o anterior do ano passado, sendo o 4º ano consecutivo a bater record de classificados.

Acabei assim a minha 10ª época de Atletismo. Posso ter começado com 45 anos e já ter 55 mas foi neste ano que bati o record de quilometragem com 1.556 km. Só me apercebi disso ontem quando fui pesquisar e verificar que o anterior era de 2013 com... 1.555! Parece de propósito mais um quilómetro mas foi mesmo mera coincidência.

Nestes 10 anos, participei em 353 corridas, onde pontificam as minhas 5 Maratonas concluídas, tendo percorrido em provas 4.354 km em 430 horas.

Um excelente ano para todos!




Quase a cortar a meta, com o privilégio de ir ao lado dum grande senhor que dá pelo nome de Orlando Duarte

31 comentários:

  1. Um Feliz Ano Novo, João! Em Barcelona lá estaremos! Correr à morte numa prova não é fácil... quando não é a cabeça, são as pernas, quando não são as pernas é a cabeça a dizer que as pernas podem ceder. Mas tenho a certeza de que em 2016 vai atingir esse objetivo sub50 :) (antes das S São Silvestre que os quilómetros do ano todo pesam demais ;) )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos a ver, Filipa. É um objectivo que vem já há 9 anos e onde na altura, algo sempre acontece.
      Mas 2016 vai ser o ano! :)

      Força para Barcelona!!!

      Um excelente ano

      Beijinhos

      Excluir
  2. Uma boa forma de terminar o ano , foi muito bom.Um bom ano cheio de coisas boas .Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi sim! :)

      Um excelente 2016 para toda a família Costa

      Um abraço

      Excluir
  3. A S.Silvestre da Amadora continua a ser daquelas imperdíveis. Acho que quem vai uma vez passa a ir sempre. Aquele povo é fantástico! Não há igual.
    Terminaste muito bem o ano e agora bola pra frente que 2016 vai ser bem melhor! :)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Isa!

      2016 vai ser bem melhor para todos nós :)

      Beijinhos

      Excluir
  4. Parabéns João. Depois da prova dos Olivais deu uma grande resposta. Bom ano de 2016 com muitas conquistas e que a boa forma dure todo o ano. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para já, há que recuperar a forma de forma constante. E treinar, treinar muito para Barcelona!

      Um abraço e tudo de bom para 2016

      Excluir
  5. Respostas
    1. Obrigado Silvio :)

      Um abraço e um bom ano

      Excluir
  6. Ainda faltam 366 dias para a próxima são silvestre da amadora. :):):)

    Parabéns!!! Obrigado pelo trabalho que tu tens no teu blogue e votos de um excelente 2016.

    Abç

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado e um excelente 2016 sem nada de lesões!

      Um abraço

      Excluir
  7. Grande João eu disse te no início que te ia correr bem melhor que no dia anterior! Tendo sido feita no limite ou não o que interessa é as sensações foram melhores :)

    Um grande abraço e um feliz ano!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Vitor. Foi verdade! :)

      Um abraço e um excelente 2016

      Excluir
  8. Na Amadora com um "é até cair pó lado" que durou até à meta

    João, no meu caso há algo semelhante ao teu caso. Normalmente, não teria participado na prova, pois no Domingo passado, e na sequência de seis provas rápidas de 10 km, em dois meses, na casa dos 44’ / 45’, o meu joelho direito, o tal das artroses, decidiu inflamar e inchar, o que me levou a não treinar esta semana e a tratamento intensivo para estar à partida na minha 15ª participação na Amadora, mas também, e sobretudo, para comemorar os 30 anos da minha 1ª São Silvestre da Amadora, então com partida às 22h, 8.5 km (32’09’’) e a clássica e célebre subida dos Comandos…

    Ainda fui “bem” até aos 4 km, mas aos poucos, as dores tomaram conta do joelho e, por via disso, o gémeo da perna esquerda também me começou a doer e foi sofrer até ao fim…
    A 400 metros da meta, quando me ultrapassas, noto que vais bastante determinado, tal como dizes, ias de raiva, e eu não reagi. Um pouco depois, apesar das dores, ocorre-me a ideia de cortar a meta ao teu lado para ter o prazer e a honra de o fazer ao lado de um dos melhores bloguistas e estatísticos das corridas populares e, assim, atenuar as dores e enriquecer esta minha pobre e dorida prestação!

    João, que 2016 seja muito melhor para ti, que o passado 2015!

    Um forte Abraço!

    Orlando Duarte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Orlando pelas simpáticas palavras

      Um abraço e um excelente 2016

      Excluir
  9. A São Silvestre da Amadora é a prova ideal para finalizar 10 épocas de corridas. Parabéns!
    Que venham muitas mais corridas!
    João, um grande 2016 para ti e para os teus!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Vítor e um ano muito especial para vocês, que o vai ser :)

      Um abraço

      Excluir
  10. Elá, agora fiquei curiosa em relação ao teu segundo objectivo!!! Podemos arriscar um palpite? :)
    Parabéns, ainda bem que terminaste o ano com uma prestação em grande na Amadora!
    Feliz 2016!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arrisca um palpite! :)

      Um excelente ano para ti!

      Beijinhos

      Excluir
  11. Respostas
    1. Ah, ah, ah! Nada disso, Barcelona vai ser a única Maratona de 2016 :)

      Excluir
    2. Um bom ano para o amigo. Que tudo corra pelo melhor. Mário lameirao

      Excluir
    3. Muito obrigado Mário e um excelente 2016!

      Um abraço

      Excluir
  12. Grande João, é este tipo de texto que eu gosto de ler :):):) ... a mente é do caraças :) ... muitos parabéns por esta prova e por este excelente ano, mesmo com um ou outro período menos bom.
    Isto agora vai ao sitio ... força para esses objectivos, quanto ao 2º é melhor eu não arriscar nenhum palpite :):):)
    Aquele abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, não! Estás proibido por decreto lei de dares palpites :)

      Obrigado e um abraço, "aviador" Carlos!

      Excluir
  13. Excelente maneira de fechar o ano!

    Quanto a palpites...há ultras de estrada??? Eheh

    Abraço e um grande 2016, desportivamente e, como a vida não é só corrida, no resto também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado jnr e um excelente 2016 também para ti :)

      Excluir
  14. Apesar dos contratempos, um grande Ano, João!
    2016 será seguramente melhor ainda!
    Feliz ano! Tudo de bom!

    Grande abraço

    ResponderExcluir