domingo, 27 de outubro de 2013

Almeirim a quebrar barreiras

Os 4 ao km presentes, eu, Isa e Eberhard

Clássica e mítica do nosso calendário, cuja história foi alicerçada numa altura que não havia a oferta que há hoje em dia, os 20 Kms de Almeirim tiveram hoje a sua 27ª edição de sucesso, numa prova que se soube sempre reinventar e adaptar, nunca deixando de encantar quem aí se desloca.

Com uma taxa de inscrição muito barata para a distância, diria mesmo que os 5 euros do primeiro preço são meramente simbólicos com tudo o que nos é oferecido de percurso, organização, convívio final com respectiva sopa da pedra, caralhotas, fruta e sumos, e ainda direito a um troféu, quem costuma deslocar-se a Almeirim raramente deixa de o fazer, levando mesmo mais alguém.

E o resultado deste ano foi muito significativo pois a prova desde que se deixou de realizar em Janeiro, há 10 anos atrás, nunca mais quebrou a barreira do milhar, o que veio a suceder hoje com 1.034 classificados na meta, e num dia em que na capital se disputou uma prova (Corrida do Montepio) com 3.754 atletas.
Mesmo com essa concorrência, Almeirim cresceu significativamente, somando 164 classificados aos de 2012.

Mesmo com o aumento de atletas, a confraternização à volta da sopa da pedra não teve tanta fila como no ano passado, devido a uma logística mais eficaz.

O justo homenageado, Professor Mário Machado

Um acto da mais elementar justiça, foi uma reconhecida homenagem que a organização promoveu a um Senhor do atletismo, alguém que todos nós tanto devemos, o Professor Mário Machado!

O tri-vencedor Hermano Ferreira

Desde há muito tempo que a Junta de Freguesia local tinha em seu poder uma enorme taça a ser entregue ao atleta que triunfasse consecutivamente por três vezes.
Pois na 27ª edição tal sucedeu. Hermano Ferreira alcançou o tri, com 1.02.27, recebendo a histórica taça. 

Vera Fernandes corta a meta

Curiosamente, ambos os vencedores foram os mesmos do ano passado, pois Vera Fernandes repetiu o seu triunfo de 2012, mas melhorando a marca em 1.52, marcando 1.18.15

Colectivamente, a vitória foi para os Leões de Porto Salvo.

Últimos metros duma boa corrida!

Se o título deste artigo fala em quebrar barreiras, o sentido é duplo. Após o do milhar de classificados, pela primeira vez desde que a prova deixou Janeiro, também se refere à minha prestação pois retirei 3.52 à minha melhor marca deste percurso e, mais importante, quebrei a barreira das duas horas, realizando 1.59.42

Logo desde o aquecimento que tive uma boa impressão que a corrida ia ser positiva. Arranquei com a Isa e Sandra, Sandra que iria seguir após o primeiro quilómetro, com a sua passada muito certinha. 
Fiquei com a Isa que atravessou um momento mais complicado entre o 3º e 4º quilómetro mas que de imediato recuperou e começou a acelerar de tal forma que por volta dos 7 quilómetros tive que ficar para trás para não colocar em causa os meus restantes quilómetros. Segui então com a Ana Pereira a quem desejo novamente toda a sorte para a semana!

Mais uma vez assisti ao espectáculo de ver a Isa seguir até ficar apenas um pontinho amarelo e depois desaparecer do que a minha vista alcançava, e corri sempre muito regular e a bom ritmo. Comecei então a magicar que mantendo-me assim, poderia lutar para baixar das duas horas. A média apontava para 2.00.15 / 2.00.30, logo a melhor táctica era conseguir manter essa média, não forçando pois ia a raiar o limite, e depois nos últimos dois quilómetros ir buscar as forças finais para esticar.

E foi o que sucedeu, com dois bons quilómetros, em especial o último, cortei a meta feliz da vida com 1.59.42 e a consciência que estou a ficar num bom momento.

O que se passou há três semanas atrás não está de modo algum digerido, muito menos esquecido, mas estou a conseguir transformar essa mágoa em força/raiva para progredir.
Tenho um objectivo muito especial e pessoal em mente para alcançar um dia e não vou deixar de lutar por ele.

Próxima prova, a imperdível  "Mãe" de hoje a duas semanas.





Com duas GRANDES amigas, Isa e Sandra. A amizade como verdadeira riqueza!

31 comentários:

  1. Adorei esta prova!
    A fazer-me lembrar o que é verdadeiramente a corrida! Convívio, amizade, alegria e prazer.

    Quanto à prova adorei o percurso e passou a ser das minhas favoritas :)
    E gostei de ter deixado o meu recorde em Almeirim :)

    Parabéns por mais uma bela prestação. E obrigada pela optima companhia!

    Beijinhos grandes!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Resumiste tudo na perfeição! :)

      Beijinhos :)

      Excluir
  2. Bonita prova, excelente organização e ....

    ...maravilhosa companhia de grandes amigos... Adorei o dia que foi tão bem passado junto da vossa companhia. Já tinha saudades de um dia assim :)

    Obrigada João por seres como és :)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São dias destes que nos encorajam para toda a semana

      Beijinhos Sandra :)

      Excluir
  3. Estás muito bem João! Gostei de ver (enquanto consegui acompanhar-te)...e estivesse eu "bem" e teria ido contigo...mas ia à cautela...muita cautela...

    Pode custar a digerir, mas nada como usar essa "raiva" em energia para se continuar a lutar pelo que se quer!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro Ana, a uma semana, muita cautela!

      Força para domingo. Estou contigo!

      Beijinhos

      Excluir
  4. Parabéns pelo record pessoal, e fico feliz em saber que os problemas que te/o afectaram já estão, pelo menos aparentemente, debelados!

    Força para realizar(es) o seu/teu objectivo!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, não é record pessoal. Apenas a melhor marca em Almeirim e vinda numa altura importante.

      Já marquei 1.56.35 em Meia-Maratona, passando em 1.50 aos 20 kms

      Obrigado e um abraço

      Excluir
  5. A preparação da Maratona a fazer-se sentir, muito bem!!! Tás em excelente momento de forma...Parabéns pela prova!
    Estou cá com uma curiosidade para saber qual é esse objectivo pessoal...mas seja qual for, força nisso.
    Grande abraço e boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esquece Carlos, é uma coisa muito pessoal que nem devia ter referido, nem tem nada a ver com marcas.

      Boa semana para ti e força para domingo!

      Um abraço

      Excluir
  6. Muitos parabéns João! Primeiro pela marca alcançada! Depois por perceber, ao ler este relato, que a vontade e força começam a fazer esquecer o passado recente. Passado esse também importante para continuar essa "luta interior".
    Quanto à prova pelo que já li e pelo que continuo a ler tenho a dizer que fazem falta muitas provas assim!
    Beijinhos e muita força para continuar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras, Anabela

      Beijinhos

      Excluir
  7. Parabéns João! Bom tempo, e que com tempo se constrói uma boa forma física. Lá nos encontraremos na "Mãe" que este ano também vou. 1 abraço

    ResponderExcluir
  8. Olá João,
    Ainda bem que já estás de regresso ao mais alto nível.
    Como disse no outro dia, apesar de ser da terra, pelas mais variadas razões nunca corri essa prova, nem essa nem a meia maratona da Nazaré que para mim, juntamente com a das Lampas gostava que um dia constasse no meu currículo. Infelizmente a minha actividade profissional não permite que dispense muitos fins de semana para participar em provas, logo as coisas têm que ser muito bem geridas. Participar na Maratona com todos aqueles meses de treino foi mesmo uma aventura.
    Para o ano temos mais e talvez as coisas se proporcionem, oxalá as pernas ajudem :) .
    Bons ritmos,

    Manuel Nunes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, caro amigo, são três provas obrigatórias no currículo :)

      Um abraço e boas corridas

      Excluir
  9. Parabéns pela prova!
    Há umas semanas atrás tiveste uma corrida menos boa. Acontece a todos. Respira fundo e digere isso tranquilamente :) Esquece essa "mágoa" e dá valor ao que tens conseguido e ao animo que transmites ao pelotão das corridas! Aproveita essa experiência e transforma-a em aprendizagem que te será útil em outros momentos.
    Abraço e boas corridas!

    ResponderExcluir
  10. Estou radiante por vocês :D
    Fizeram uma excelente prova, e parece que essa raiva está a dar frutos João :D
    Uma boa Meia na Nazaré :)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E nós estamos radiantes por ti! :)

      Beijinhos :)

      Excluir
  11. Parabéns pela prova, João! Fazes bem em pegar numa coisa que não correu como o esperado e usá-la como força para a seguir conseguires ir até mais além das tuas melhores expectativas. Eu acredito.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo, Rute. Ainda dói mas estou a aproveitar essa dor como boost.

      Beijinhos

      Excluir
  12. Parabéns João, fizeste um bom tempo!
    Depois do que se passou há 3 semanas, ficaste mais forte.
    Esta é outra das provas que tenho que fazer.

    Abraço

    ResponderExcluir
  13. Como venho atrasado e já muitos escreveram muita coisa vou só dizer uma coisa que já te disse antes, VAMOS LÁ MAS É A ESTIPULAR OBJECTIVOS MAIS AGRESSIVOS!!!
    Isso de andar a passear a camisola por aí já foi chão que deu uvas. Agora o que se quer nas fotos é só uma mancha amarela à tua passagem. ;)

    Abraço Campeão!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh Pedro... mas tu pensas que eu tenho as tuas capacidades?!? :)

      Um abraço, atleta voador

      Excluir
  14. João,

    o que lá vai, lá vai. Agora é olhar sempre em frente e derrubar todos os objetivos, um por um, sem excepção, pois a força, a coragem e a determinação estão lá.

    Talvez para o ano nos encontremos numa maratona (Porto) por aí.

    Abraço e bons treinos/provas

    Fernando Varela

    ResponderExcluir
  15. Almeirim é uma prova especial, uma grande prova feita por voluntários! Algo ainda mais de valorizar nestes tempos egoístas que vamos vivendo.
    E a Associação 20 km de Almeirim é muito mais que a sua "menina bonita" os 20 km é uma verdadeira associação em prol do desenvolvimento do atletismo e da formação de novos valores para a modalidade.
    Teriam que ser os homens de uma associação como esta a fazer a bonita e justíssima homenagem ao Professor Mário Machado porque eles, melhor que ninguém conhecem e sabem dar valor ao trabalho deste grande, mas extremamente modesto, senhor do atletismo.
    Um curiosidade muito pouco falada é que a últimas edições da saudosa Maratona Spiridon tiveram lugar em Almeirim e isso, certamente, não foi por acaso.. Nelas também colaboraram, e de que maneira, os valorosos voluntários dos 20 km de Almeirim.

    ResponderExcluir