domingo, 15 de dezembro de 2019

No GP Natal a fazer a melhor marca do ano

3 fotos que ilustram o maior bem das corridas, a AMIZADE!

Após ter faltado em 2018, por ainda estar em Espanha depois de ter concluído a Maratona de Valência, participei pela 11ª vez no Grande Prémio de Natal, uma clássica do nosso calendário que já me deu sensações muito díspares.

Efectivamente já houve o 8 e o 88 aqui, e o 8 foi coincidentemente em 2008 quando parti o pé esquerdo. O 88 foi em 2016 onde consegui aquilo que perseguia há 10 anos, baixar dos 50 minutos, e logo com 48.42 (marca batida 6 meses mais tarde na Corrida de Santo António com 48.19). Um ano depois, neste mesmo GP de Natal 2017, alcancei o 5º e último sub50. Foi o corolário dum biénio incrível e dificilmente repetível.

Após aquela marca nesta prova em 2017, parei quase 2 meses pelas operações às cataratas e hoje de manhã estive a consultar o histórico e a verificar que as duas únicas vezes que baixei nestes 2 anos do minuto 53 foi com 52.40 e 52.58

Assim sendo, coloquei como objectivo tentar fazer melhor que os 52.40 para ser a melhor marca dos últimos 24 meses. 

Se este percurso é conhecido pelos muito favoráveis últimos 2 quilómetros, é preciso não esquecer que até lá tem algumas dificuldades, como as duas subidas iniciais, os 3 túneis e a ligeira inclinação até ao Saldanha. 
Ora eu que subia bem, nos últimos tempos tenho vindo a perder facilidade na subida, devido a não estar a treinar subidas como dantes, algo que tenho que rectificar e rapidamente. Tal fez-me desgastar um pouco no quilómetro inicial, para fazer o tempo que queria nesse km.

Depois lá fui mantendo o ritmo que queria, sempre a aflorar o risco vermelho, sabendo que o importante era chegar ao Saldanha para de seguida soltar tudo.

E se me estava até então a aguentar, entre a saída do 3º e último túnel e o Saldanha, quebrei um pouco, uma dezena ou dezena e meia de segundos que foram importantes no final.

A partir do Saldanha consegui recuperar fôlego e comecei a soltar o que podia. Pelas contas estava muito complicado baixar do 52.40, deveria acabar com 53 muito baixo, mas tentei e dei tudo, principalmente no quilómetro final feito em 4.35

E quase que deu, 52.47, que passou a constituir o 2º melhor tempo destes últimos 2 anos. 
Isto foi o que vi no final, onde estava tão focado nos 52.40 que só mais tarde apercebi que tinha feito a melhor marca do ano, batendo os 52.58 da Volkswagen por 11 segundos.

Apanhado em directo na TVI24 a 100 metros da meta (nota-se que lhe ia a dar bem!)
Na classificação, verifiquei que finalizei às portas de algo que gosto de realçar por não ser nada habitual, terminar na 1ª metade. Ora a 1ª metade dos 4.258 que finalizaram é 2.129 e terminei em... 2.132, a 3 lugares apenas.

No cômputo geral, atendendo à forma actual e às complicadas e tristes últimas semanas, reconheço que foi muito positivo, apesar de estar apenas moderadamente satisfeito, isto em termos de performance, porque em termos de prazer de corrida, fiquei plenamente grato por esta manhã de bom ambiente e de respirar este tão saudável ar típico das provas.

Ah! Antes que me esqueça, um obrigado ao São Pedro pois a prometida chuva nunca caiu! 

Próximas provas, as São Silvestres de Lisboa (28) e Amadora (31)

Até lá, fiquem bem, fiquem em paz e com saúde, o maior bem!, e aproveitem a quadra. Festas Felizes! 



16 comentários:

  1. Amigo João Lima
    Fabulástico.
    Obrigado pela partilha das "3 fotos que ilustram o maior bem das corridas, a AMIZADE!"
    Parabens pela tua prova. Obrigado por espalhares sorrisos ao longo destes anos todos.
    Um enorme abraço. IC

    ResponderExcluir
  2. Mais uma vez, muitos parabéns, João! Esse quilómetro final foi extraordinário :) Com destaque televisivo e tudo! Muito bom!

    Boa recuperação e que venham as próximas :)

    Um beijinho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Inês!
      Sim, aquele último foi bom :)

      Beijinhos

      Excluir
  3. Belas fotos e fantástica legenda!

    Vês, já se nota o efeito do relógio, afinal ainda são uns bons segundos por km :)

    Boa prova, parabéns pela marca.

    Festas Felizes!

    ResponderExcluir
  4. Foi uma manhã excelente rodeados de amigos.

    E tu fizeste um tempo espectacular! Assim que te vimos a arrancar comentámos logo um com o outro que irias fazer um tempo excelente e assim foi.

    Parabéns pela óptima estreia com o novo relógio =)

    Venham as São Silvestres!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Isa, é o que levamos de melhor :)

      O tempo foi muito bom mas não acho que chegue a excelente, faltou ali umas coisitas.

      Beijinhos e até às São Silvestres :)

      Excluir
  5. É o Pai Natal? As Renas? O Menino Jesus? Os Reis Magos? A Nossa Senhora? O São José? NÃOOOOOOOOOOOOOO! É O TORPEDO AMARELO A BOMBAR PELAS AVENIDAS DE LISBOA!
    Parabéns CAMPEÃO!

    ResponderExcluir
  6. Caro João,
    Mas que grande forma !!!
    É terminar o ano mesmo em grande!
    E aquela foto (na TVI) mostra bem que ias em 5ª velocidade.
    Gr abraço, ohhhhhhhhh Carlos Lopes :)
    MIKE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hum... permite-me discordar pois não considero estar em grande forma mas sim capaz de fazer uns fogachos.
      Se vou chegar aí à grande forma, vou trabalhar para isso :)
      E sim, ali ía em 5ª velocidade!

      Agora, oh Mike, essa do Carlos Lopes... Coitado dele! :)

      Um abraço e boas corridas

      Excluir
  7. Podes não estar na forma de 2016/2017 mas certamente estás na melhor dos ultimos 2 anos, não achas? Pelo menos é o que vai transparecendo dos teus posts. Ah, e que tal o Garmin, afinadinho? :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hum... não, não considero estar na melhor forma. Estou é a ser capaz de fazer uns fogachos, o que significará de estar a caminho da melhor forma. Há que continuar a trabalhar muito!
      E sim, bem afinadinho! :)
      Um abraço

      Excluir
  8. Grande João … excelente prova onde realço não o tempo conseguido mas sim a manhã de grande convívio … esse biénio espectacular faz-me recordar um moço que mais ou menos pela mesmo altura pulverizava tudo o que lhe aparecia pela frente :)
    Grande abraço e vamos a ver se nos vemos na próxima semana numa S Silvetre qualquer :P

    ResponderExcluir