domingo, 11 de outubro de 2015

Fechar um capítulo + Alerta laranja


Nota prévia - Este artigo deveria chamar-se apenas de 'Fechar um capítulo' e foi escrito na 6ª feira para ser publicado hoje. Infelizmente, tive que acrescentar no final uma parte intitulada 'Alerta laranja', redigida hoje.


Fechar um capítulo
(escrito 6ª para ser hoje publicado)

De hoje a uma semana a esta hora, estarei a realizar a 3ª Rock'n'Roll Maratona de Lisboa na tentativa de alcançar a minha 5ª meta em Maratona.

Cada Maratona é diferente de qualquer outra mas esta traz consigo uma marcante diferença. Enquanto cada uma começa com o tiro de partida e acaba umas horas depois, esta começou às 10.05 de 6 de Outubro de 2013. 15,5 km depois, ficou em suspenso.

Para quem não sabe, e apesar de estar bem preparado, fiquei nesse dia no caminho da que seria na altura a minha 2ª Maratona. Soltou-se a hérnia do hiato que me deixou como que envenenado. Como consegui chegar ao km 15,5 é uma prova do quanto tentei até não ser mais possível. 

E se cada Maratona é especial, essa mais era, acrescida por uma responsabilidade que não foi possível concretizar.

Entretanto, cumpri as de Sevilha, Porto e Paris, mas aquela ficou em suspenso, sempre a martirizar, martirizar, martirizar.

Apesar de ser isento de culpa, nunca me conformei com essa desistência. Tive que aprender a viver com isso, o que no início, confesso, custou-me imenso.

Agora, quero fechar este capítulo, cicatrizar esse dia, atirando-o para trás das costas, redimindo com a sua concretização.

A preparação foi longe de ser a ideal. Uma lesão que me obrigou a quase 3 semanas de paragem, o que danificou o plano, um reacender das bronquiectasias, além da mudança de rotina de vida e estabilidade que a recente situação de desemprego criou.

A isto, junte-se um percurso que está longe de ser o ideal para mim, pois não me dou bem com longas e monótonas rectas, como acontece na 2ª metade, além do deserto de público que Lisboa costuma oferecer.

No entanto, o objectivo é um e um só, aquela meta. Não quero saber de tempos (em Maratona nunca é objectivo meu).

Se antes pode não parecer, durante qualquer corrida o meu ponto forte é a cabeça, o querer, a vontade. Podem discordar comigo mas eu conheço-me bem e sei que não tenho aptidões físicas para ser maratonista, apenas o sou por esse factor que me leva até à meta.
No entanto, é exactamente a cabeça que receio me possa trair daqui a uma semana. Precisamente por tudo o que já referi e que me leva a encarar esta doutra forma, menos positiva.

No entanto, vou ter uma preciosíssima ajuda nos 42.195 metros. A Maratona vai ser a três, com o Ultra-Casal Isa e Vítor.
Com a Isa, será o refazermos o que não foi possível há 2 anos, com o Vítor será o garante de optimismo e calma para chegarmos ao grande objectivo.
Será sem dúvida uma bi-companhia que fará desta Maratona ainda mais inesquecível.

Daqui a uma semana, a esta hora, estaremos a lutar por isso.

Obrigado a todos pelo apoio que me têm dado. E sobre este "discurso", já sabem que gosto sempre de ser sincero e transmitir o que me vai na alma.


Alerta laranja
(escrito hoje)

Inesperadamente, ontem tornei a sentir uma dorzinha onde tive a lesão no pé direito. De imediato ataquei com gelo e transact.

Hoje a coisa parecia dominada e fui treinar. Logo reapareceu essa dorzinha. Não aumentou, mas manteve-se sempre presente.

Dos 12 km planeados, reduzi para 5, para não forçar. Passada agora uma hora, mantém-se igual, não sei como será mais à frente.

É certo que ainda não estou em pânico, mas já estou a bater à sua porta.
Duma semana que pretendia calma qb, ficará esta dúvida do que vai suceder a seguir, além dos treinos de manutenção planeados estarem agora em banho-maria.

Não precisava, nem merecia, mais este obstáculo. 
O que é certo é que para daqui a uma semana, estou preparado para tudo, TUDO, menos não fechar este capítulo...

36 comentários:

  1. Vai correr bem João Lima! Um grande beijinho e Boa Maratona!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim esperemos, Ana.

      Obrigado e um beijinho

      Excluir
  2. Força! Votos de pronta recuperação e tudo a correr pelo melhor nessa maratona "especial".

    ResponderExcluir
  3. Gelo, pomada e muita calma e vais ver que isso é só mais um susto!
    Já estou aqui a meter uma cunha aos Deuses da Maratona para completares os 42,195 sem problemas!
    FORÇA CAMPEÃO!
    Um abraço enorme.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gelo e pomada sim, calma não consigo...

      Que os deuses da Maratona te ouçam...

      Obrigado e um abraço

      Excluir
  4. Força João... eu acredito que vais fechar este capitulo com sucesso.
    Aquele abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim o espero

      Obrigado e um abraço, Carlos!

      Excluir
  5. Força João.
    Quanto mais obstáculos aparecerem mais saborosa vai ser essa vitória.
    Abraço e nada de desanimar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, isso é verdade... Mas só o saberei no domingo... :)

      Um abraço e força para ti!

      Excluir
  6. "No entanto, é exactamente a cabeça que receio me possa trair..."
    Quando puderes esta ideia de parte vais ver que "o mundo é perfeito". Usa a cabeça para te ajudar e não o contrário.
    Estou a torcer por ti.

    Forte abraço!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em corrida é o que costumo fazer, daí ter aquelas 4 metas em Maratona. Mas nesta... a coisa está complicada de gerir. Mas no dia... quem sabe?!? :)

      Um abraço e obrigado

      Excluir
  7. Força João, isso não é nafa... Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso dizes tu que não te dói, eh eh

      Obrigado e um abraço

      Excluir
  8. Tenta procurar ajuda, eu conheço um quiroprático muito bom, essas dozsinhas podem resolver-se facilmente..
    Vais ver que no domingo estás 5*
    beijinho, eugénia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Eugénia, tenho marcação com um.

      Obrigado e beijinhos

      Excluir
  9. Gelo e pomada. Mantém os nervos, porque os nervos são bons e porque os nervos irão passar, quando for dado o tiro de partida. São muitas lutas até se chegar a uma Maratona, o corpo sente e devolve, com juros. Deixa-o pensar que a luta continua, nesta semana de recuperação, até voltares à luta na manhã do próximo domingo e aí acorda-o novamente e diz-lhe que a luta voltou!! 'Enjoy the ride'!! (encontramo-nos na Nazaré) ;-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Alexandre e até à Nazaré! :)

      Um abraço

      Excluir
  10. Alerta laranja apenas na metereologia, vais ver.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eh eh, e olha que as previsões meteorológicas não são nada favoráveis!

      Um abraço e obrigado

      Excluir
  11. Nem vale a pena teres pensamentos negativos João, vai tudo correr bem.

    Essa moínha muitas vezes quase que vem da nossa cabeça. Por outro lado, mesmo que ela exista é normal, o tendão, ligamento, músculo, o que seja, ficou afetado e essa dor em principio poderá ser apenas do esforço. Nota-se muito que a minha mais que tudo é fisioterapeuta? :)

    Vá força João, no domingo devo ir treinar pela zona da meia/maratona e espero ver-te e dar-te força :)

    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim Vítor, nas vésperas aparecem todas as dorzinhas mas esta é bem real.
      Mas pior não está, vamos aguardar por boas notícias, já que de enguiçoseguida nesta já chega :)

      Um abraço e obrigado

      Excluir
  12. Muita força amigo! Vai tudo correr bem.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  13. Amigo, já te disse tudo mas fica aqui mais umas palavras.
    Numa maratona há sempre obstáculos, nem seria uma maratona se fosse fácil. É mesmo para ser difícil, para custar, para sofrer, por isso só sei que, aconteça o que acontecer, NÓS OS 3 VAMOS CONSEGUIR!

    Venha essa 5ª maratona!

    Beijinhos e rápida recuperação

    ResponderExcluir
  14. Respostas
    1. O pé está agora melhor. Acredito!
      Obrigado!!!
      Beijinhos :)

      Excluir
    2. Vai tudo correr bem João, ainda nos vais é ajudar a nós:)
      Força aí com essa recuperação!

      Grande abraço

      Excluir
    3. Vamos todos entre-ajudar :)

      Um abraço e obrigado

      Excluir
  15. Também sou optimista , por isso vou esperar que tudo corra bem domingo.Contava fazer-te uma surpresa mas decidi a semana passada não participar , tal como tu também estou a passar por uma situação desagradável e instável a nível profissional e tenho que fazer contenção de custos, só por isso não vou.Estarei em Ovar se tudo correr bem a pensar em ti e nos amigos que se vão aventurar nessa mítica corrida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Joaquim!

      Desejo-te uma rica Meia de Ovar, uma prova bem bonita que é pena ficar longe para mim, pois a única vez que participei (foi quando nos conhecemos pessoalmente) gostei imenso do percurso e ambiente.
      Força!

      Um abraço

      Excluir
  16. Olá João, confesso que quando li este "alerta laranja", não soube o que dizer... Mas agora que o pé já está melhor, tenho a certeza de que tu e os teus companheiros de luta vão cruzar aquela meta com a felicidade estampada no rosto! Vontade não falta, dá para perceber!
    Daqui vai um aperto com as duas mãos cheio de confiança!!! Vai ser muito bom!!!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Sofia!

      A uma semana do grande dia, foi um valente susto, até porque estava a ser igual a Agosto onde tive mesmo que parar. Mas como já sabia o que era, pude atacar de imediato e, após estar parado 2ª e 3ª, treinei um bocadinho 4ª, 5º e hoje e a coisa está quase boa, o pouco que ainda tem vai dar para fazer.

      Beijinhos e obrigado por toda a força! :)

      Excluir