sábado, 18 de agosto de 2018

26 bem melhores que os 24 + A pulseira de identificação iDee

Como quem tem a paciência de seguir este cantinho bem sabe, os 24 do sábado passado não deram boas sensações, pelo contrário. Valeu pela força de vontade de os cumprir.

Durante a semana tive duas excelentes companhias. Do Tiago Marques na 3ª (Tiago que também vai a Valência) e da Sandra na 5ª. Na 2ª foi treino de recuperação e na 4ª o ansiado regresso às séries.

Faço séries semanalmente mas estava sem as realizar desde 8 de Junho. A seguir sofri a tal entorse do tornozelo e enquanto não senti que isto estava a 100%, como agora, não quis arriscar com séries.
Milagres não há e o cronómetro não mente em relação àquela paragem de 10 dias e à ausência de séries. Não comparando com as duas únicas vezes que baixei dos 4 num km (3.54 e 3.57), que isso foi numa altura de forma louca, a comparação prendia-se com a última série de quilómetro realizada na primeira semana de Junho e onde marquei 4.15. Pois na 4ª registei apenas 4.36...
Mas na próxima 4ª será melhor e espero regressar àquela marca dentro de poucas semanas.

Após os treinos da semana, chegou o de hoje onde a intenção passava por chegar aos 26. Decidi não alterar o plano, mantendo-o apesar do mau treino de 24. 

Estava com pouca confiança mas muito decidido a ser bem sucedido. A tomar o pequeno-almoço inspirei-me com um video que me levanta a alma. São as melhores imagens da Maratona do Porto 2016, com uma música empolgante e imagens que tocam quem faz e sonha com Maratonas, em especial as mais para o final, com as chegadas dos atletas do "meu campeonato". Clicar aqui para ver o filme de 3 minutos e pouco que vejo e revejo e dá-me muita inspiração e emociona-me sempre.

Eram 6 e meia da manhã quando dei início às hostilidades. Receoso mas muito focado em fazer um bom treino que me levantasse a moral. 
Enquanto na semana passada notei logo nos primeiros quilómetros que aquele não ia ser um dia bom, hoje as sensações estavam normais até cerca dos 12. A partir daí ganhei a convicção que nada me iria afectar, que estava num dia bom, e foi uma maravilha até final.

Comparando com o treino da semana passada, fiz hoje em 26 quilómetros menos 1.29 do que registei na semana passada em 24, e isso diz tudo (em especial do que foi há uma semana).
Claro que não dá para comparar com Agosto do ano passado onde com apenas mais 3.20 fiz 30 quilómetros mas, como já disse em cima, isso foi num tempo de louca forma.

No fundo o treino de hoje foi normal, só passando a muito bom pelo momento actual. E a confiança aumentou! Estava a precisar dum treino assim com 26 quilómetros certinhos e sem qualquer quebra.
Se fazia mais 16? Não! Mas a intenção é realizar os 42 no início de Dezembro e não hoje. E é para essa construção de forma que vou colocando pedra sobre pedra.

Até final do mês, tenho planeado um outro objectivo, dependendo de como decorra a semana, se será para a semana ou para a seguinte. E qual é esse objectivo? É o meu regresso aos amados treinos de 30 que não realizo desde a preparação para a Maratona do Porto de Novembro passado. E que saudades já tenho desses treinos de 30!

Entretanto este treino teve uma novidade. E a novidade foi esta:


Sempre que ando na rua, levo os meus documentos, logo estou identificável em caso de qualquer acidente. Mas se vou treinar, não levo nada que me identifique.

Nas corridas, é fácil, temos um dorsal que permite saber quem somos, mas num treino, e sabendo que 90% dos meus treinos são como o de hoje, sozinho, o que sucede se sofro algum acidente? Como poderão identificar-me?

Há uns 2 anos vi esta pulseira da iDee e pensei que seria uma excelente ideia. Mas sabemos como funciona o tenho que. Ou fazemos logo ou o tempo vai passando e nós sempre a pensar "tenho que". 

O infeliz caso do triatleta desaparecido fez reacender essa necessidade. E finalmente encomendei.

Vindo na caixa que se vê na fotografia, além do certificado de garantia, é uma pulseira modelo Sport que conta com algumas cores diferentes. Naturalmente, só podia!, escolhi o amarelo. 

A vantagem da pulseira é ter uma placa identificativa, que obviamente pintei de preto na foto por ter os meus dados, e onde se colocam informações úteis. No caso é o nosso nome e ano de nascimento, dois contactos telefónicos para ligar em caso de urgência, o grupo sanguíneo e ainda espaço para alguma informação relevante (por exemplo algum tipo de doença ou alergia).

Claro que podemos sempre pensar em levar algum papel com esses dados. Mas resultará? Com o suor poderá ficar ilegível e, além disso, onde o guardar? No bolso que está dentro dos calções? E seria que alguém iria aí procurar? Pois esta pulseira salta de imediato à vista.

Como levo o relógio no pulso esquerdo, coloquei-a no direito. Como nunca tinha posto fosse o que fosse nesse pulso, pensei que iria estranhar mas nada. É tão leve que nem se sente.

Assim, sinto-me mais protegido e isso era algo que me preocupava, em especial quando faço estes treinos maiores e começando ainda de noite. Seja que treino for, irei usar sempre. Nunca se sabe o que poderá suceder.

Caso alguém esteja interessado, clique aqui para o site da iDee ou aqui para o seu Facebook.

Uma óptima semana a todos!

14 comentários:

  1. Já vi esse vídeo algumas vezes, e continua a deixar-me de lágrimas nos olhos... :)

    Muitos parabéns pelo treino! Fizeste um excelente tempo, que mostra que a boa forma está a voltar. Com a tua persistência, é uma questão de tempo :) E o tornozelo? Impecável?

    E acho óptima a ideia da pulseira! Já muitas vezes me senti pouco segura a correr sozinha sem ter qualquer identificação comigo... Acho que vou comprar uma para mim e outra para oferecer :)

    Bons treinos e boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Inês! Mas a boa forma ainda está longe...
      Sim, esperemos que seja uma questão de tempo até regressar :)
      O tornozelo não tornou a dar qualquer sinal. Ele que se deixe estar muito sossegadinho...

      Sem dúvida que será uma boa compra por uma questão de segurança.

      Beijinhos e boa recuperação! :)

      Excluir
  2. Tudo a voltar ao normal! :) Daqui a pouco já estás a fazer uma preparação em velocidade cruzeiro.
    Quanto à pulseira, excelente ideia. Quando corria raras eram as vezes em que levava identificação, contudo para as pedaladas fiz um cartão, com alguns dados pessoais, contactos de emergência, grupo sanguíneo e informações acerca de alergias - mas para andar na mochila ou nos bolsos das camisolas. Mas a iDee parece uma excelente opção!

    Beijinhos e continuação de bons treinos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Sofia!
      A velocidade cruzeiro é daqueles que andam devagar, devagarinho :)

      Beijinhos e uma boa semana

      Excluir
  3. Parabéns João. Que bom este treino ter sido de óptimas sensações. Rumo a Valência :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado Tânia! Mas ainda há muito trabalho pela frente rumo a Valência e Sevilha :)

      Beijinhos e continuação de óptimos treinos!

      Excluir
  4. Caro João, não digas que andas devagarinho pois, atualmente, devagarinho, andamos nós.
    Estivemos de férias no sotovento Algarvio e, para treinar, foi do pior.
    Por causa do calor e do ar abafado, iniciavamos o treino ás 7 da manhã mas, nem assim, o calor era sufocante e andava "derretido".
    Nada como ter chegado já á minha terrinha deste Norte mais frio e com um ar mais Atlântico para poder dar "corda ás sapatilhas" (atenção, disse sapatilhas :)
    Enfim, a recuperar o tempo perdido pois as semanas aí em baixo só serviram para deitar a minha forma ao lixo e, a meia maratona do Porto é já a 16 de setembro.
    Grande abraço e,.......... bons treinos
    MIKE
    Happyrun

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Mike, um abraço e força nesses treinos!!!

      Excluir
  5. Que coincidência! Também comprei uma pulseira da iDee :) Estou para fazer um artigo sobre a mesma também...

    Mais vale prevenir caso algo de mal algum dia aconteça...

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que coincidência gira! :)

      Um abraço e boas corridas

      Excluir
  6. Dinheiro deitado ao lixo, homem! Mas quem é que não te conhece??

    Fora de brincadeiras, uma atitude prudente e que em caso de necessidade (oxalá que não) pode ajudar e muito.
    Beijinhos e bons treinos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eh eh! Se em corrida há muitos que não me conhecem, imagina nos sítios por onde às vezes treino...

      Beijinhos e obrigado :)

      Excluir
  7. Ah malandro, eu tenho esse vídeo nos meus favoritos e à pala da tua referência a ele acabei de ganhar meia hora da minha vida no YouTube a ver e rever outros vídeos relacionados. :)

    A pulseira da iDee - ou outras semelhantes - também está em modo "tenho que" há muito tempo. E o caso do Grilo voltou a fazer pensar nisso mais a sério.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo, Nuno, nunca sabemos quando poderá vir a ser útil ou se chegará a ser. Mas não devemos facilitar...

      Um abraço

      Excluir